EUA, Los Angeles - O documentário italiano "Fuocoammare", de Gianfranco Rosi, e o filme brasileiro "Pequeno Segredo", de David Schurmann, ficaram de fora da lista de pré-selecionados para a disputa de Melhor Filme Estrangeiro no Oscar 2017.

A Academia de Artes e Ciência Cinematográficas publicou na noite desta quinta-feira (15) as nove obras que continuam na disputa: "Tanna", da Austrália, "It's Only the End of the World", do Canadá, "Land of Mine", da Dinamarca, "Toni Erdmann", da Alemanha, "The Salesman", do Irã, "A man called Ove", da Suécia, e "My life is a zucchini", da Suíça.    

Entre os escolhidos, os favoritos são o alemão "Toni Erdmann", grande vencedor de prêmios europeus, e o iraniano "The Salesman".    

No entanto, o documentário italiano que conta a história dos imigrantes sob a ótica dos imigrantes da ilha de Lampedusa, ainda pode ter esperança de levar a famosa estatueta. Isso porque ele foi incluído na pré-lista de documentários ainda em disputa.    "Fuocoammare" acumula prêmios ao redor do mundo e foi o grande vencedor de um dos mais importantes eventos do cinema mundial.    

Em fevereiro, ele levou o Urso de Ouro do Festival de Cinema de Berlim.

Fonte: ANSA

Agenda

Seg Ter Qua Qui Sex Sáb Dom
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31