RIO DE JANEIRO, Rio de Janeiro - O Arquivo Nacional, vinculado ao Ministério da Justiça, tem novos procedimentos para transferência ou recolhimento de acervos arquivisticos públicos, em qualquer suporte, pelos órgãos e entidades do Poder Executivo Federal para o Arquivo Nacional. A Portaria nº 252, assinada pelo Diretor-geral do Arquivo Nacional, Jaime Antunes, foi publicada nesta terça-feira, no Diário Oficial da União.

 De acordo com o artigo 2º da referida Portaria, a transferência e recolhimento devem ser considerados conforme abaixo:

 I - Transferência: passagem dos documentos produzidos e recebidos pelos órgãos ou entidades do Poder Executivo Federal, de seus arquivos correntes (ou setoriais) para o arquivo intermediário, com guarda temporária no Arquivo Nacional, em sistema de parceria, assegurado a estes o direito de acesso e consulta, inclusive sob a forma de empréstimo, por meio de solicitação formal ao Arquivo Nacional. A consulta de terceiros, excetuando-se os casos previstos em lei, somente será permitida mediante expressa autorização do órgão ou entidade transferidor (a).

II - Recolhimento: passagem para a guarda permanente no Arquivo Nacional de documentos produzidos e recebidos por órgãos ou entidades do Poder Executivo Federal, sendo assegurado ao Arquivo Nacional promover o acesso, a divulgação e a publicação de quaisquer documentos do acervo recolhido. Exceto nos casos estabelecidos em lei e em acordos firmados entre organizações nacionais e internacionais será autorizado o empréstimo de originais.

 Maiores informações estão disponíveis no sítio eletrônico do Sistema de Gestão de Documentos de Arquivo - SIGA, da administração pública federal: www.siga.arquivonacional.gov.br 

 

Fonte: Editoria RM (com informações do DOU) 

(Nota do editor: notícia originalmente publicada em 05/01/2016 - 31 visitas até 11:36h)

RIO DE JANEIRO, Rio de Janeiro - Há mais de 30 anos sem programação permanente e fechado desde 2013, o Teatro Serrador, na Cinelândia, um dos mais tradicionais do Rio, será reinaugurado nesta quinta-feira (7/01), às 19h, com apresentação especial. A atriz Bibi Ferreira volta ao palco em que estreou como artista, em 1941, para cantar sucessos de Frank Sinatra. O teatro, que foi o último empreendimento do empresário Francisco Serrador, recebeu uma reforma completa, com renovação de poltronas, camarins e infraestrutura.

O Serrador passa a fazer parte dos equipamentos culturais da Secretaria Municipal de Cultura e oferecerá programação permanente a partir deste mês. Para comemorar sua reabertura, dois grandes espetáculos entrarão em cartaz na casa, com a ocupação artística da Aquela Cia. No dia 15, estreia a peça "Laio & Crísipo", com texto de Pedro Kosovski e direção de Marco André Nunes. No dia 19, será encenado o espetáculo "Caranguejo Overdrive".

O Teatro Municipal Serrador fica na Rua Senador Dantas, 13.

 

Fonte: Prefeitura do RJ

(Nota do editor: notícia originalmente publicada em 04/01/2016 - 32 visitas até 11:47h)

RIO DE JANEIRO, Rio de Janeiro - A Fundação Cultural Alfredo Ferreira Lage (FUNALFA), sediada em Juiz de Fora, Minas Gerais, está com edital aberto para o concurso público (Edital n. 281/2015) desde o dia 28 de dezembro de 2015 para cargos de nível médio e superior. As inscrições podem ser realizadas até o dia 27 de janeiro de 2016, nos valores de R$40 a R$80,00.

 Foram disponibilizadas seis vagas para cargos de Técnico de Nível Superior (TNS), conforme abaixo:

 - Analista de Sistemas - 01 (uma) vaga;

- Arquiteto - 01 (uma) vaga;

- Bibliotecário - 01 (uma) vaga;

- Contador - 02 (duas) vagas;

- Historiador - 01 (uma) vaga.

 A remuneração para carga horária de 40 horas semanais é de R$2.388,70 (dois mil reais, trezentos e oitenta e oito reais e setenta centavos). 

 As provas envolvem conteúdo em Português, de Conhecimentos Específicos e Prova Dissertativa. Haverá pontuação referente à titulação acadêmica. A aplicação das provas objetiva e dissertativa ocorrerá na cidade de Juiz de Fora, no dia 28 de fevereiro de 2016 (domingo), com início às 8h e duração de 5 (cinco) horas. Os locais ainda não foram divulgados.

 Os interessados podem consultar o edital completo e fazer suas inscrições através do site www.fluxoconsultoria.com.br

 

Fonte: Editoria RM 

(Nota do editor: notícia originalmente publicada em 04/01/2016 - 33 visitas até h)

RIO DE JANEIRO, Rio de Janeiro - Começou nesta segunda-feira (4), a Colônia de Férias do Museu da República/Ibram. A atividade comemora, em 2016, 30 anos. Desde 1986 o Museu desenvolve, gratuitamente, trabalhos com grupos de 40 crianças, de 7 a 11 anos, sempre pautadas no patrimônio material e imaterial, memória e museu. Os temas são trabalhados através de oficinas lúdico pedagógicas, dinâmicas de grupo e muitas brincadeiras.

Neste ano o tema escolhido é Olimpíadas no Museu, sobre os jogos olímpicos que serão realizados no Rio de Janeiro, para despertar nas crianças a importância dos esportes como instrumento para o desenvolvimento social e educativo.

Durante as duas semanas da Colônia, de 4 a 15 de janeiro, as crianças além de conhecerem o Museu e seu Jardim Histórico, vão participar de uma olimpíada com campeonatos de diversas modalidades, como: jogo de argola, boliche, dança da laranja, jogos de memória, quebra-cabeça com obstáculos, cabo de guerra, corrida maluca, peteca e vôlei com lençol.

Além dessas modalidades, quase olímpicas, as crianças farão passeios até o Maracanã, Escola de Educação Física e ao Museu dos Esportes no Forte São João, na Urca.

Eles farão também aquecimentos, relaxamentos, atividades de artes plásticas, jogo da palavra, assistirão filmes e farão os convites para a festa de encerramento.

No final da Colônia serão entregues medalhas e diplomas.

Este ano a Colônia de Férias do Museu da República terá a participação da empresa Saúde Total Serviços Relacionados à vida Eireli-me, que é ligada à saúde humana e atividades de condicionamento físico.

 

Fonte: Ibram

(Nota do editor: notícia originalmente publicada em 04/01/2016 - 30 visitas até 11:53h)

MINAS GERAIS, Belo Horizonte -  Estão abertas, até 2 de fevereiro, as inscrições para o processo seletivo do curso de mestrado em Ambiente Construído e Patrimônio Sustentável da Escola de Arquitetura da UFMG. Vinte e quatro vagas serão distribuídas entre as três linhas do programa: Conservação e Bens Culturais, Gestão do Patrimônio no Ambiente Construído e Tecnologia do Ambiente Construído.

Os documentos exigidos devem ser enviados por Sedex para a secretaria do Colegiado do mestrado. Os formulários e o edital do processo estão disponíveis no site da Escola de Arquitetura.

Mais informações podem ser obtidas pelo telefone (31) 3409-8874 ou pelo e-mail Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

 

Fonte: UFMG

(Nota do editor: notícia originalmente publicada em 04/01/2016 - 40 visitas até 11:58h)

Agenda

Seg Ter Qua Qui Sex Sáb Dom
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31