MINAS GERAIS, Belo Horizonte - A observação do cotidiano é materializada emcores, formas, volumes e texturas que configuram as imagens reproduzidas nas obras do acervo em Paisagem Cultural / Narrativa, dos artistas Helena Campos e Altino Caldeira.

A mostra será inaugurada no dia 18 de maio, quarta-feira, às 19 horas, na Sala de Exposições Temporárias do Museu Mineiro, integrante do Circuito Liberdade e da programação da 14ª Semana de Museus, promovida anualmente pelo Instituto Brasileiro de Museus - Ibram. Neste ano, o evento traz o tema ‘Museus e Paisagens Culturais’.

Os artistas selecionaram 50 obras, entre pinturas e esculturas, resultado de observação e memória, que dialogam com as cores da paisagem arquitetônica, dos jardins floridos e dos transeuntes que passeiam e vivem nas cidades com seus dramas, alegrias e histórias.
Altino Caldeira descreve o imaginário coletivo presente em suas obras. “A metáfora representada em nossos trabalhos artísticos referencia uma estética paisagística de um paraíso tropical imaginado, também referenciado pelos viajantes europeus e seus olhares estrangeiros. Nossa leitura da paisagem é lúdica, contaminada de desejos e da imaginação que se apropria da natureza e da construção caótica e exuberante do mundo.

Percorremos diversos lugares impregnados de ritos e ritmos que exibem formas de organização urbana e onde se reflete a paisagem cultural, como espelho da história daquele espaço. Buscamos as marcas da interação entre a cidade e seus cidadãos, entre o sujeito, a sociedade e o lugar, onde os detalhes desta interação acontecem”.

A mostra Paisagem Cultural / Narrativa tem entrada gratuita e ficará em exposição na Sala de Exposições Temporárias do Museu Mineiro, até o dia 20 de julho de 2016.

Sobre os artistas

Altino Barbosa Caldeira - PhD, é graduado em Arquitetura pela UFMG, possui especialização em “Cultura e Arte Barroca”, pela UFOP (1988), e em “Representação do Espaço Arquitetônico”, pela PUC Minas. Doutorado (PhD) em Arquitetura e Urbanismo, pela Universidade de Sheffield, Inglaterra, e pós-doutorado, pela Universidade de Bolonha. É Professor Adjunto III da PUC Minas, responsável pelas disciplinas “Projeto de Intervenção no Ambiente Construído” e “Projeto de Paisagismo Urbano” na graduação, e pela disciplina “Geografia Cultural e Paisagem” no Programa de Pós-graduação em Geografia/Tratamento da Informação Espacial. Sua experiência na área acadêmica tem ênfase na proteção e conservação do patrimônio cultural. Já expôs em diversas mostras individuais e coletivas.

Helena Maria Amaral Adjucto Campos – é especializada em História da Cultura e da Arte, na Universidade Federal de Minas Gerais. Graduada em Educação Artística pela Escola Guignard. Fez o Curso de Restauração e Conservação de Bens Móveis pela Fundação de Arte de Ouro Preto. Tem vasta experiência em arte e educação, em projetos de conservação e restauração de bens móveis e em pintura artística. Atuou como Professora de Arte do Ensino Médio e Ensino Fundamental, na Escola Estadual Prof. Leopoldo de Miranda, de 2000 a 2015, e como Professora de História da Arte, do curso de Turismo, PUC Minas (2008). Participou como artista convidada do Calendário 2013 da GEOSOL e de diversas exposições como: Pinturas e Objetos, Galeria Agnus Dei (2009); Pinturas e Altares, Galeria do IAB-MG (2005); Pinturas, Centro Cultural Bernardo Mascarenhas, Juiz de Fora (2001); Pinturas, Sobrado Ramalho, Tiradentes (2000).

Serviço

Exposição – Paisagens Culturais / Narrativas
Abertura - 18 de maio de 2016
Horário: 19 horas
Período: de 19 de maio a 20 de julho
Horário de Visitação: 3ª, 4ª e 6ª – das 10h às 19h
5ª – das 12h às 21h
Sábados e domingos - das 10h às 19h
Local: Museu Mineiro – Av. João Pinheiro, 342 – Funcionários – BH/MG
Informações: (31) 3269-1103
Entrada Gratuita

Fonte: SEC MG

Agenda

Seg Ter Qua Qui Sex Sáb Dom
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31