DISTRITO FEDERAL, Brasília - Em parceria com outra importante entidade voltada à memória local, o Museu das Bandeiras (MUBAN), em Goiás (GO), acaba de encaminhar para restauração sete bens culturais que integram seu acervo.

Os itens foram enviados na última segunda-feira (6) a Belo Horizonte (MG), onde serão restaurados por profissionais do Grupo Oficina de Restauro.

As peças, todas de mobiliário em madeira dos séculos XVIII e XIX, serão restauradas graças a Acordo de Cooperação Técnica celebrado com a Associação Casa de Cora Coralina. O conjunto abarca um trono episcopal; uma cadeira de sola; duas mesas de centro; uma mesa bufete; uma cômoda-papeleira; e uma cadeira torneada.

As peças, todas de mobiliário em madeira dos séculos XVIII e XIX, serão restauradas em Belo Horizonte (MG) graças a Acordo de Cooperação Técnica celebrado com a Associação Casa de Cora Coralina (Foto: divulgação)

O tratamento dos bens culturais incluirá, a partir da avaliação de cada caso específico: higienização, descupinização, desinfestação, imunização preventiva, remoção de intervenções anteriores consideradas inadequadas, reintegração de cores, aplicação de verniz, contenção de fissuras e rachaduras, refixação de partes e confecção de peças complementares, entre outras intervenções.

“As peças fazem parte da história da cidade e, em se tratando de acervo museológico, as intervenções sugeridas deverão levar em conta a manutenção das marcas e alterações que lhes foram impostas ao longo de suas histórias”, explica Rosangela Reis Costa, conservadora e restauradora do Grupo Oficina de Restauro. A previsão mínima é de 8 meses de trabalho.

Fonte: Ibram

Agenda

Seg Ter Qua Qui Sex Sáb Dom
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31