SÃO PAULO, São Paulo - Começou na segunda-feira, 21 e segue até a próxima sexta-feira, 25, em São Paulo, o maior evento Afro de todos os tempos já realizado no país, o African Week.

Durante cinco dias, serão promovidas atividades culturais, palestras de economia e relações internacionais, premiação aos destaques da cultura Afro descentes no Brasil e o African Day.

Para fechar a primeira semana de imersão da cultura africana no Brasil, acontece na sexta-feira, 25, às 19h, o CCBB (Centro Cultural Banco do Brasil) de São Paulo, pela primeira vez em São Paulo a exposição "Ex Africa", que irá celebrar as festividades do African Week. A mostra trará um grande e essencial panorama da arte contemporânea do continente e da identidade da África moderna.

Marcada por uma diversidade de encontros culturais e interações, por processos de intercâmbio e aculturações, a exibição que já foi apresentada em Belo Horizonte e no Rio de Janeiro, apresentará mais de 90 obras, da recente produção de 18 artistas, vindos de oitos países africanos. A eles se juntam também dois artistas afro-brasileiros, Arian Martins e Dalton Paula que exibem suas obras produzidas durante uma pesquisa realizada em um bairro brasileiro na capital da Nigéria, Abuja.

Com curadoria do alemão Alfons Hug, que dirigiu o Instituto Goethe em Lagos, na Nigéria, a exposição é dividida em quatro eixos temáticos – Ecos da História, Corpos e Retratos, O Drama Urbano e Exposições Musicais.

Ibrahim Mahama, um dos destaques da "Ex Africa", apresenta a instalação "Nos-Orientable Nkansa II", composta por centenas de caixas de engraxar sapatos, obtidas pelo artista nas ruas de Acra, capital da Gana. Além disso, o senegalês Omar Victor Diop, que tem notoriedade devido aos seus retratos fotográficos posados, o sul-africano Mohau Modisakeng, que traz através de uma videoinstalação as memórias deixadas pelo apartheid. Ambos artistas se juntam com o nigeriano Jelili Atiku, outro destaque da mostra e um dos principais nomes da Bienal de Veneza de 2017.

A mostra que segue em cartaz até o dia 16/07, tem entrada franca, mediante a retirada de ingresso com uma hora de antecedência.

Exposição CCBB SP (divulgação)

Sobre o Centro Cultural Africano
O Centro Cultural Africano é uma organização sem fins lucrativos, que foi fundado em 1999, pelo nigeriano Otumba (rei) Adekunle Aderonronu, com a missão de fortalecer o intercâmbio entre o Brasil e a África, valorizar a solidariedade, a ética, a esperança, o talento, o respeito, além de manter vivas as tradições culturais africanos e afros descendentes, contribuindo assim o desenvolvimento do patrimônio oral, material e imaterial da humanidade, segundo a UNESCO.

25/05 - African Day - Centro Cultural Banco do Brasil
Exposição Ex Africa
Data: 28/04 – 16/07
Horário: 19:00hs às 22:00hs
Local: CCBB - SP
Endereço: Rua Alvares Penteado. 112 - Centro - São Paulo/SP
Entrada Franca
www.africanweek.com.br

Fonte: divulgação por e-mail

Agenda

Seg Ter Qua Qui Sex Sáb Dom
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31