DISTRITO FEDERAL, Brasília - Desde o início do mês, moradores do Rio de Janeiro (RJ) e turistas podem aproveitar para conhecer gratuitamente um dos acervos mais importantes sobre a história do Brasil.

Foto: divulgação

Até o dia 17 de fevereiro, o Museu Histórico Nacional (MHN) – que faz parte da rede do Instituto Brasileiro de Museus (Ibram) – estará com entrada gratuita para todos os públicos.

Além da exposição de longa duração, que apresenta aspectos do Brasil desde a pré-história até o fim da monarquia, o público pode participar das visitas mediadas do projeto Bonde da História e visitar a exposição temporária “O retrato do rei dom João VI”, em suas últimas semanas.

Bonde
No último domingo (3), o primeiro Bonde da História do mês, voltado para jovens e adultos, teve por tema “Pinturas históricas”. A visita foi na sala da exposição de longa duração “A construção da nação”, com ênfase nos quadros do século XIX do gênero pintura histórica.

No mesmo dia, o Bondinho da História apresentou “Mani e suas aventuras no tempo das cavernas”. A visita mediada propõe, a crianças de 5 a 12 anos e acompanhantes, uma viagem até a pré-história do Brasil com a personagem Mani. A contação aborda, a partir de Mani, a vida e os costumes dos primeiros habitantes do território brasileiro.

Saiba mais sobre as próximas edições do Bonde da História e como participar.

Fonte: Assessoria de Comunicação/ Secretaria Especial da Cultura/ Ministério da Cidadania (Com informações do Ibram)

Agenda

Seg Ter Qua Qui Sex Sáb Dom
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31