MINAS GERAIS, Belo Horizonte - Mesa-redonda sobre as estratégias para preservação e difusão de acervos fotográficos acontece na terça-feira, 16 de outubro, às 14h, na Escola de Belas-Artes.

Debate é aberto ao público (Still de vídeo de Redes Sociais UFMG)

O evento terá como expositores Jussara Vitória, Adolfo Cifuentes e Paulo Baptista, professores da UFMG, e pretende abordar a importância dos acervos fotográficos como patrimônio cultural e sua relação histórica com a memória das cidades e instituições.

A atividade integra a programação da 27ª Semana do Conhecimento.

Livro
Durante o evento também será feita apresentação do livro 'Wilson Baptista: urbano fotográfico', organizado por Renata Marquez (Escola de Arquitetura e Design), Paulo Baptista (Escola de Belas Artes) e pelo curador e designer gráfico Marconi Drummond.

A obra traz, em 115 fotografias selecionadas a partir de um acervo de cerca de 30 mil negativos, imagens que documentam a vida urbana e a construção e expansão de Belo Horizonte entre as décadas de 1930 e 1960.

Wilson Baptista (1913-2014) produziu uma das mais ricas obras da fotografia moderna brasileira. Suas fotografias, publicadas em diversos livros e revistas, são hoje referência para o trabalho de pesquisadores de arquitetura, história e fotografia, constituindo-se em uma rica memória afetiva de Belo Horizonte.

Serviço
27ª Semana do Conhecimento UFMG
16 de outubro de 2018 - 14h às 17h
Mesa-redonda - Acervos fotográficos: preservação e difusão
Atividade aberta ao público
Entrada franca
Escola de Belas-Artes - Auditório Álvaro Apocalypse
Campus Pampulha da UFMG - Av. Antônio Carlos, 6.627 - Belo Horizonte - MG
www.ufmg.br/semanadoconhecimento

Fonte: UFMG

Agenda

Seg Ter Qua Qui Sex Sáb Dom
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31