Heloisa Barbuy 

A Semana dos Museus 2015, com o tema “Museus para uma sociedade sustentável” definido oficialmente pelo ICOM, é uma boa ocasião para observar que no sistema jurídico brasileiro, da mesma forma que o patrimônio natural, também o patrimônio cultural imóvel está inserido no Direito Ambiental.

Muito oportuno ter esta consciência se pensarmos em quantos dos nossos museus estão instalados em edifícios tombados e quantos estão situados em parques, sítios históricos e/ou arqueológicos e cidades históricas.

Todos esses conjuntos são tão necessários ao nosso equilíbrio quanto o patrimônio natural ou as áreas verdes em geral. No caso dos parques, notemos que muitos deles formaram-se em função dos edifícios que abrigam os nossos museus, isto é, sua própria origem se deve ao patrimônio histórico.

Importante pois refletir sobre o quanto o patrimônio cultural imóvel é um componente imprescindível aos ambientes em que se insere. E o quanto os museus contribuem para que esses patrimôniospossam ser usufruídos por todos. Poder vivenciar ambientesespeciais, bem preservados e articulados com exposições bem planejadas é uma das experiências culturais mais enriquecedoras que podemos ter.

A Semana dos Museus pode ser um bom momento para tornarmos mais evidentes as relações entre patrimônio cultural e patrimônio natural em favor de uma preservação ambiental mais abrangente.

Agenda

Seg Ter Qua Qui Sex Sáb Dom
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31