ESPANHA, Madri - Mais de 400 museus argentinos estão conectados à nova ferramenta digital

Te convidamos a conhecê-la: RMA.

O Registro de Museus Argentinos (RMA) originou-se do trabalho da articulação entre a Secretaria do Patrimônio Cultural do Ministério da Cultura e o Programa Ibermuseus. Com esta nova versão da ferramenta, fruto de um trabalho sustentado, a Secretaria busca que a informação sobre os museus do país esteja disponível a profissionais de museus, pesquisadores, estudantes, gestores culturais e agentes de turismo, além de pessoas interessadas em visitá-los e conhecê-los

A Secretaria de Patrimônio Cultural disponibilizou a nova plataforma do RMA com mais de 400 museus de todas as regiões do país. Por meio dela o público de qualquer lugar do país e do mundo pode conhecer a riqueza e a diversidade de seu patrimônio.

Nesta nova plataforma, cada museu conta com um micro site que permite visualizar fotos das suas salas e atividades, o perfil do seu acervo, conhecer a sua história e os serviços que presta aos seus visitantes. Na busca avançada é possível encontrar informações de acordo com seus interesses e selecionar museus por província, tipo de coleção -arte, ciência, história-, ou dependência estadual, mista ou privada.

A plataforma é uma ferramenta de gestão pública gratuita. Espera-se que o registro de novos museus, dos mais de mil existentes na Argentina, continue. Desta forma, terão a possibilidade de divulgar os seus diferentes acervos e participar em editais realizados pelo Ministério da Cultura, outras entidades regionais, bem as linhas de apoio oferecidas pelo Ibermuseus. Inclusive, nas próximas semanas será anunciado um edital de apoios econômicos.

Juntos e conectados pelo acesso aos museus ibero-americanos.

Fonte: Ibermuseos

Agenda

Seg Ter Qua Qui Sex Sáb Dom
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31