BRASIL, Brasília - A comunidade de Paria, na Venezuela, vem trabalhando em conjunto com especialistas da região ibero-americana na geração de um modelo de Ecomuseu com forte ênfase em práticas sustentáveis ​​para se tornar referência para outras iniciativas na região

A primeira etapa do desenvolvimento desta proposta acontece no 5 de abril com a realização da II Jornada de Cooperação para o Desenvolvimento: Cultura e Educação para alcançar os ODS e no dia 6 de abril, com o II Simpósio sobre Patrimônio Industrial Venezuelano: Rotas e Itinerários Culturais do Ecomuseu de Paria, ambos na modalidade presencial e online.

O objetivo do simpósio é gerar um espaço de debate sobre as rotas e itinerários culturais do Ecomuseu de Paria vinculados às paisagens industriais que estão localizadas em seu território.

A iniciativa faz parte do Programa de Cooperação Interinstitucional Roteiros e Itinerários Culturais | Fortalecimento das comunidades do entorno do Ecomuseu de Paria e na promoção de seu patrimônio cultural e industrial, da Organização dos Estados Ibero-Americanos (OEI) e que conta com a cooperação técnica do Programa Ibermuseus.

Ibermuseus é representado pela Mtra. Bernarda Delgado, diretora do Ecomuseu de Túcume (no Peru) e membro do comitê técnico da Linha de Sustentabilidade das Instituições e Processos Museológicos Ibero-americanos do Programa.

Hoje, 6 de abril, às 15h (horário da Venezuela), Bernarda participará do II Simpósio com a palestra “Túcume, a antiga cidade das Pirâmides. Lambayeque Peru. A participação é gratuita.

Todas as informações sobre o simpósio, inscrições e demais informações estão disponíveis na página do evento: https://ve-gestioncultural.net/?page_id=4294

Fonte: Ibermuseos

Agenda

Seg Ter Qua Qui Sex Sáb Dom
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31