ITÁLIA, Roma - Morreu nesta segunda-feira (17), aos 94 anos, Giacomo Bruni, o último membro do grupo de partigiani que participou do fuzilamento do ex-ditador fascista Benito Mussolini (1883-1945) e de sua amante, Claretta Petacci (1912-1945).

Bruni, cujo nome de batalha era "Arturo", dirigiu o veículo que levou os cadáveres para Milão, onde foram expostos em praça pública de cabeça para baixo. Seu funeral será realizado às 15h desta terça (18), em Zavattarello, na região da Lombardia.

O ex-partigiano deixa a mulher, Rosa, e sete filhos.

Fonte: Agência ANSA

Agenda

Seg Ter Qua Qui Sex Sáb Dom
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31