ARGENTINA, Buenos Aires - O papa Francisco lançou nesta segunda-feira (30), na Argentina, seu primeiro livro dedicado à América Latina, produzido a partir de entrevistas concedidas ao jornalista Hermán Reyes.

Em 'América Latina - Conversas com Hermán Reyes Alcaide' estão reunidos conteúdos sobre os encontros que o jornalista argentino, correspondente desde 2015 da agência "Télam" em Roma e no Vaticano, teve com o líder da Igreja Católica em julho e agosto.

Editado pela editora Planeta, o livro de 200 páginas celebra os 10 anos da conferência do episcopado regional em Aparecida, no Brasil, e repassa temas como a mulher na Igreja, a pastoral carcerária, as experiências do diálogo interreligioso e ecumênico.

Na publicação, Francisco também ressalta alguns problemas da América Latina como "o poder de influência da Igreja, a injustiça social, a falta de cuidado com o meio ambiente", além de dizer que a região é "vista por muitos como terra de escravos".

Esta é a primeira vez que o Pontífice se dedica a falar de seu continente. Jorge Mario Bergoglio responde as perguntas de Reyes, que resultaram em seis eixos temáticos incluindo os "desafios da e a partir da religião", e o "retrato político-católico latino-americano".

O livro começou a ser vendido dia 30 na Argentina e posteriormente será distribuído em outros países.

Fonte: ANSA

Agenda

Seg Ter Qua Qui Sex Sáb Dom
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31