SÃO PAULO, São Paulo - Inéditas, telas pintadas pelo artista podem ser vistas a partir de sábado (1/5)


Exposição 'Da Coleção 1961-2021'. Paulo Almeida (Foto: divulgação)


O MAB-FAAP (Museu de Arte Brasileira da Fundação Armando Alvares Penteado) abre no dia 1 º de maio a exposição "Da coleção: 1961-2021", com uma instalação inédita do artista Paulo Almeida composta por três grandes telas. A obra ficará em exibição até o dia 26 de junho e as visitas devem ser agendadas pelo site https://visitante.agendamento.faap.br/

Paulo Almeida desenvolve um trabalho conceitual. Sua pintura se relaciona e dialoga com o espaço expositivo onde é apresentada, reproduzindo obras do acervo ou exposições anteriores das instituições culturais que o recebem.

As três telas que serão exibidas foram pintadas de forma a refletir o mezanino do Museu, onde a exposição está sendo montada. Depois de reproduzir esse espaço, o artista pintou nessas mesmas telas recriações de obras do acervo do MAB FAAP, escolhidas por ele, de diferentes artistas. "É como se estivessem virtualmente expostas ali", explica.

A exposição é a primeira do projeto Mezanino Aberto, criado pelo MAB FAAP para prestigiar artistas que fazem ou fizeram parte da instituição, seja como professor ou aluno, com pelo menos 10 anos de atuação no cenário artístico. Paulo Almeida foi o primeiro selecionado entre todos os inscritos. "A ideia é ter uma exposição por ano, a partir da seleção dos projetos enviados", destaca a diretora do museu, Fernanda Celidonio.

"Da coleção: 1961-2021" estava inicialmente prevista para março, mas a abertura foi adiada devido às orientações do Plano SP para combate à pandemia de Covid-19. O MAB FAAP reabriu no dia 24 de abril, com ocupação de 25% de sua capacidade e horário reduzido.

Sobre o artista
As produções de Paulo Almeida são predominantemente pinturas, relacionadas com outras linguagens como a fotografia, o vídeo e a performance. O artista, que é formado em Artes Plásticas pela FAAP, já teve suas obras expostas em diversos países e ganhou prêmios como o 15º Cultura Inglesa Festival 2011.

Também já participou de residências artísticas, como a realizada em 2013 em Nova Délhi, na Índia, a partir do Programa de Residências Artísticas no Exterior, realizado pelo Ministério das Relações Exteriores em parceria com a FAAP. Paulo vive e trabalha em São Paulo.

O artista participou do "Conversas no MAB", onde explica o seu processo artístico. Confira o vídeo completo no Youtube da FAAP.

Serviço
"Da coleção: 1961-2021"
Data: de 1º de maio a 26 de junho de 2021
Horário: das 11h às 17h, todos os dias da semana, exceto às terças-feiras.
Local: R. Alagoas, 903 – Higienópolis
Informações: (11) 3662-7198
Agendamento de visitas: https://visitante.agendamento.faap.br
Entrada: Gratuita

Sobre o MAB FAAP
Desde que abriu suas portas pela primeira vez em 10 de agosto de 1961 com a mostra "Barroco no Brasil", o Museu de Arte Brasileira da Fundação Armando Alvares Penteado (FAAP) se comprometeu a incentivar e divulgar a arte brasileira. Além de seu acervo próprio que conta com cerca de 3 mil obras de arte a partir do final do século 19, no decorrer dos últimos 58 anos, abrigou exposições marcantes para a história da cultura do País, como a exposição "Toyota – O Ritmo do Espaço" premiada pela APCA em 2018. Em 2015 foi criada a Coleção MAB-MODA que reúne vestimentas, bonecas e acessórios de estilistas contemporâneos brasileiros, fortalecendo o vínculo entre o museu e a moda, que desde 1989 esteve presente por meio de desfiles e exposições vinculadas ao tema. Cabe destacar que além da pesquisa e organização de exposições de temas pertinentes às artes visuais brasileiras, o MAB incorporou a apresentação de mostras de arte internacional com temáticas de interesse geral que trazem experiências significativas ao público e ampliam a compreensão do fazer artístico e cultural.

Fonte: divulgação por e-mail

Agenda

Seg Ter Qua Qui Sex Sáb Dom
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30