DISTRITO FEDERAL, Brasília - Desenho arquitetônico será definido nacionalmente


Foto: reprodução

O Edital do Concurso Nacional do Museu da Bíblia teve cronograma alterado na segunda-feira (19.7), a partir de retificação do edital publicado no Diário Oficial do DF. Os documentos de inscrição e propostas preliminares de arquitetura serão apresentados entre 19/7/2021 e 3/9/2021. O portal de recebimento das propostas já está no ar (clique aqui).

No site, o candidato vai encontrar o edital e todos os anexos necessários, bem como as bases do concurso a exemplo do Programa de Necessidades, os documentos técnicos (levantamento topográfico, modelo de prancha), normas e material de apoio. Há também um espaço para enviar consultas e até pedir a impugnação do edital.

Edital Concurso Museu da Bíblia
Edital Anexo Concurso Museu da Bíblia
Acesse o Portal do Concurso

O Portal do Concurso foi preparado para atender a todas as necessidades e garantias da Lei de Licitações, especialmente o anonimato, que viabiliza um julgamento imparcial onde o único critério é a qualidade da obra que atenda aos parâmetros traçados no Programa de Necessidades e no Termo de Referência. O concurso é aberto a Arquitetos e Engenheiros, dentro das especificações do Edital.

“Não temos dúvida de que os arquitetos brasileiros, reconhecidos mundialmente por sua criatividade, saberão responder ao chamado e apresentar propostas à altura do que a população do DF espera e merece”, destaca o secretário de Cultura e Economia Criativa, Bartolomeu Rodrigues.

COMISSÕES
A Secec divulgou ainda duas Portarias. A 117 para anunciar a Comissão Julgadora do Concurso, selecionada dentro de critérios acadêmicos claros e objetivos, com curriculum vitae dos seus membros disponíveis para consulta no Portal. É formada por:

I – Daniele Galvão Pestana Nogueira, museóloga, representante da Secec. (titular)
II – Mafalda Fabiene Ferreira Pantoja, arquiteta e urbanista, representante da sociedade civil. (titular)
III – Cristiane Guinancio, arquiteta e urbanista, representante da sociedade civil. (titular)
IV – Márcio Albuquerque Buson, arquiteto e urbanista, representante da sociedade civil. (titular)
V – Patrícia da Silva Fiuza Pina, arquiteta e urbanista, representante da sociedade civil.(titular)
VI – Leonardo da Silveira Pirillo Inojasa, arquiteto e urbanista, representante da sociedade civil (suplente).

A Portaria 116 cria a Comissão Especial, formada por servidores do Governo do Distrito Federal e assessores técnicos qualificados. Suas funções e estrutura estão disponíveis no Edital do Concurso. Os nomes e posição podem ser acessados nos documentos anexos.

Conheça as Portarias
Portaria Comissão julgadora
Portaria Comissão Especial- CEL

TRÊS FASES
O Museu da Bíblia é um projeto com três fases distintas. Na primeira etapa (fase atual), ocorre o lançamento do Concurso Nacional para a escolha da proposta mais adequada, que atenda às especificidades legais e ao Programa de Necessidades, elaborado colaborativamente entre a Secec e a Secretaria de Desenvolvimento Urbano e Habitação (Seduh).

Esse documento contou com o apoio técnico qualificado de arquitetos e museólogos. O autor do projeto selecionado receberá R$ 122 mil.

Na segunda etapa, será realizado um processo de licitação para elaboração do Projeto Executivo, com base na proposta vencedora, ao passo que, na terceira etapa, a Secretaria de Obras (SO) vai erguer o Museu em área de 7.500 metros quadrados no Eixo Monumental, nas proximidades da EPIA e da antiga Rodoferroviária.

O Museu da Bíblia tem orçamento estimado em R$ 26 milhões (com expectativa de captação de 100% de emendas parlamentares). Deste total, R$ 14 milhões estão garantidos. Será um equipamento que vai ampliar a diversidade cultural do Distrito Federal, que em nada fere o estado laico, mas contribuirá sensivelmente, com uma proposta curatorial balizada pela arte e pela formação do conhecimento, para reunir, em seu espaço apreciativo, pessoas de diversas religiões e credos ou até agnósticas e ateias. O entendimento é de que A Bíblia continua sendo fonte de inúmeros estudos e inspirações sensíveis, tenha ou não propósitos religiosos.

Cronograma do concurso
Lançamento do Concurso
19 de julho de 2021

Divulgação da Comissão Julgadora
19 de julho de 2021

Inscrições
19 de julho de 2021 a 3 de setembro de 2021

Homologação
5 dias após a inscrição

Prazo para Recursos
5 dias após a negativa de homologação

Prazo para resposta de Recursos
3 dias após a apresentação de recurso

Consultas
19 de julho de 2021 a 7 de setembro de 2021

Respostas às consultas
3 dias após a data da consulta

Impugnação
Até 26 de julho de 2021

Envio dos Estudos Preliminares
27 de julho de 2021 a 27 de agosto de 2021

Julgamento
8 a 10 de setembro de 2021

Divulgação do resultado preliminar do Concurso
13 de setembro de 2021

Prazo Recursal dos Resultados Preliminares
20 de setembro de 2021

Resposta para Recursos
3 dias úteis após o recurso

Divulgação do resultado final do Concurso
24 de setembro de 2021

Prazo de habilitação
27 de setembro a 1 de outubro de 2021

Homologação do Concurso/Premiação
4 de outubro de 2021

Fonte: Ascom/Secec

Agenda

Seg Ter Qua Qui Sex Sáb Dom
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31