BAHIA, Salvador - Está aberta a licitação para a execução do projeto executivo da exposição de longa duração do Museu do Recôncavo Wanderley Pinho, localizado em Caboto, distrito do município de Candeias


Acervo Museu do Recôncavo Wanderley Pinho (Foto: Fernando Barbosa)

A ação faz parte do projeto de recuperação e restauração do museu, que integra o Programa Nacional de Desenvolvimento do Turismo (Prodetur Bahia), é executado pela Secretaria de Turismo do Estado da Bahia (Setur) e pelo Instituto do Patrimônio Artístico e Cultural da Bahia (IPAC), e conta com recursos do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID).

A empresa que ganhar a licitação ficará responsável pela montagem do projeto expográfico elaborado pela historiadora e museóloga Simone Trindade, e pelo museólogo e fotógrafo Anibal Gondim, da empresa Tecnomuseu. A diretora de museus do Ipac, Fátima Santos, descreve que, além do próprio acervo do museu, que atualmente, por meio da licitação n.º 001/2021, está sendo restaurado pelo Studio Argolo Antiguidades e Restaurações, a exposição contará com painéis informativos com conteúdo bilíngue, recursos audiovisuais e recursos cenográficos que visam recriar os ambientes do antigo Engenho Freguesia. Organizada em torno de três pilares conceituais (o referencial histórico, a ambiência e a interação com o público), ela ocupará a casa grande, a capela e a fábrica.

"A exposição abordará as diversas narrativas que contribuíram para a construção da história deste espaço: não somente os senhores de engenho, mas os povos originários, os escravizados, os trabalhadores livres, os agregados, as mulheres, as crianças", explica Simone Trindade. A museóloga conta ainda que a intenção é demonstrar que não se trata de uma história distante e sim de tradições e modos de vida que nos ajudam a refletir sobre quem somos hoje: "São saberes e sabores que ainda vivenciamos".

A licitação será efetuada conforme os procedimentos de Licitação Pública Nacional (LPN) estabelecidos nas Políticas para a Aquisição de Bens e Contratação de Obras Financiadas pelo Banco Interamericano de Desenvolvimento, edição GN 2349-9, e está aberta a todos os licitantes elegíveis, conforme definido nestas normas.


Restauração do Museu do Recôncavo Wanderley Pinho (Foto: Fernando Barbosa)

Interessados em participar podem obter todos os documentos acessando o site http://www.prodeturbahia.turismo.ba.gov.br/aquisicoes/ ou encaminhando uma solicitação para o e-mail Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo. Por meio desse e-mail também é possível pedir informações adicionais.

As propostas deverão ser entregues até as 10 horas, do dia 17 de agosto, na Comissão Especial de Licitações (CEL) da Secretaria de Turismo do Estado (Setur-BA), que fica localizada na Avenida Tancredo Neves, 776, Bloco A, 5º Andar, Caminho das Árvores, Salvador, CEP: 41.820-904. Nessa data e horário, as propostas serão abertas na presença dos licitantes. Caso a pandemia de Covid-19 inviabilize a sessão presencial, será disponibilizado e enviado a todos os interessados o link para reunião virtual.

Administrado pelo Instituto do Patrimônio Artístico e Cultural da Bahia (Ipac), o Museu do Recôncavo Wanderley Pinho é um importante equipamento cultural que conta a história da Bahia e do Brasil a partir do século XVI. Com um acervo de mais de 200 peças e achados arqueológicos que remetem ao ciclo do açúcar, o museu ocupa um casarão de quatro andares e 55 cômodos no antigo Engenho Freguesia, e inclui ainda uma capela. Tombada como patrimônio nacional pelo IPHAN, a construção possui grande importância arquitetônica e cultural.

Fonte: Ascom Dimus

Agenda

Seg Ter Qua Qui Sex Sáb Dom
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31