DISTRITO FEDERAL, Brasília - O Ministério da Cultura (MinC) manifesta pesar pelo falecimento do ator e humorista Paulo Silvino, ocorrido na manhã desta quinta-feira (17/8) em sua residência na Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro.

Ao longo de quase 60 anos de carreira, Paulo Silvino deu vida a personagens cômicos na televisão que marcaram uma geração.

O ator começou sua carreira nos anos 1960, no rádio, mas se tornou bastante conhecido atuando em humorísticos da TV Globo, como Faça, Humor, não faça guerra, Uau, A companhia, Planeta dos Homens, Viva o Gordo e Zorra Total. Costumava popularizar bordões, como "cara e crachá".

O Ministério da Cultura presta solidariedade aos familiares e amigos do humorista.

Paulo Silvino deu vida a personagens cômicos na televisão que marcaram uma geração (Foto: Divulgação)
Fonte: MinC

Agenda

Seg Ter Qua Qui Sex Sáb Dom
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31