RIO DE JANEIRO, Rio de Janeiro - Mais que um teatro, o Serrador, na Cinelândia, é um verdadeiro patrimônio carioca. Ao longo de mais de setenta anos, seus palcos, coxias e camarins viram passar gerações de grandes estrelas e espetáculos inesquecíveis. Depois de quase seis meses de reforma, o teatro reabre nesta quinta-feira (8/01), às 21h, incorporado à rede municipal com acessibilidade e mais conforto para público e atores. A noite de reabertura marca o reencontro da atriz e cantora Bibi Ferreira com o palco onde ela própria deu os primeiros passos há 75 anos. Hoje e amanhã (8), também às 21h, a atriz e cantora apresentará o espetáculo "Bibi Ferreira Canta Repertório Sinatra".

O primeiro mês de funcionamento do teatro será marcado pela ocupação da Aquela Cia. de Teatro, de Pedro Kosovski e Marco André Nunes, que vai apresentar os premiados espetáculos "Laio & Crísipo", com sessões às terças, quartas e quintas, a partir do dia 15, às 20h, e "Caranguejo Overdrive", às sextas e sábados, a partir do dia 19, às 19h30.

O Teatro Municipal Serrador passou por grande reforma que incluiu camarins, banheiros, palco e piso. Foram instalados novos aparelhos de ar-condicionado. A casa passará a ter capacidade para 280 espectadores e terá nova bomboniere. Carpetes e cortinas foram substituídos por novos. A parte de infraestrutura também foi completamente renovada com a impermeabilização da laje superior e a modernização da parte elétrica.

A reforma do teatro está incluída no Recultura, programa de requalificação dos equipamentos culturais municipais. Estão em andamento a reforma das lonas de Bangu e Realengo e do Museu Histórico da Cidade, na Gávea, além da biblioteca da Tijuca, do Teatro Ziembinski e do Centro da Música Carioca, na Tijjuca, e do Centro Cultural Municipal Dyla Sylvia de Sá, em Jacarepaguá. Ainda dentro do Recultura, o sistema de ar-condicionado do Teatro Municipal Carlos Gomes foi renovado, assim como a identidade visual do Calouste que passa a se chamar Centro Municipal de Cultura e Cidadania Calouste Gulbenkian.

O Teatro Municipal Serrador reabre num momento em que o Centro passa por grandes transformações urbanísticas, a poucos metros do futuro boulevard da Avenida Rio Branco. Com o VLT, o espaço ficará ainda mais acessível para cariocas de todas as partes.

Teatros protegidos: 

Em 23 de dezembro do último ano, o prefeito Eduardo Paes assinou o decreto nº 41.174, que restringe a alteração de atividade, uso ou destinação de imóveis que atualmente sirvam como salas de teatro. Caberá ao Chefe do Poder Executivo Municipal autorizar expressamente qualquer mudança que pretenda afetar o funcionamento dos teatros da Cidade, depois de consultadas a Secretaria Municipal de Cultura, que analisará o impacto da alteração pretendida na vida cultural da cidade, e a Secretaria Municipal de Urbanismo, que avaliará questões urbanísticas relacionadas.

O decreto foi publicado no Diário Oficial do Município de 28 de dezembro.

 

Fonte: Prefeitura do RJ

(Nota do editor: notícia originalmente publicada em 07/01/2016 - 36 visitas até 16:36h)

Agenda

Seg Ter Qua Qui Sex Sáb Dom
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31