DISTRITO FEDERAL, Brasília - O Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) entregou, na tarde desta sexta (16), ao município de São Bento do Sul (SC), os serviços de restauro e ampliação da “Casa Eichendorf”, edificação que integra o conjunto de casas tombadas pelo Iphan, nos Roteiros Nacionais de Imigração de Santa Catarina, criado em 2007


Foto: Suelen Artuso

Com investimento de R$ 313 mil do Instituto, a obra contemplou a construção de um anexo com copa e lavabos, construção de rampa de acessibilidade, calçadas e estacionamento, além de melhorias na área externa com grama e iluminação da fachada. Internamente, foram feitas as instalações elétricas e de equipamentos para prevenção e combate a incêndio.

O Iphan já realizou outros serviços na Casa Eichendorf em anos anteriores. Em 2008, por exemplo, foi feita obra emergencial de escoramento e colocação de tapumes; em 2012, restauração da edificação; e, em 2014, os recursos foram aplicados no reparo das pinturas murais da Casa.

Casa Eichendorf
O município de São Bento do Sul possui um importante conjunto de edificações singulares, dentre as quais está a Casa Eichendorf, construída nos primeiros anos do século XX às margens da estrada Dona Francisca.

Sua construção mescla duas técnicas tradicionais da arquitetura usada pelos colonos descendentes de alemães em Santa Catarina: a estrutura enxaimel e a alvenaria autoportante.

A cerimônia de entrega oficial da obra de restauração e ampliação da Casa é promovida pela Fundação Cultural de São Bento do Sul e conta com presença da Superintendente do Iphan-SC, Liliane Nizzola; do presidente da Câmara de Vereadores de São Bento do Sul, Peter Kneubuhler; da chefe de gabinete, Nilva Holz; da diretora de Turismo da prefeitura de São Bento do Sul, Luiza da Silva, e de representantes da Fundação Cultural.

Fonte: Iphan

Agenda

Seg Ter Qua Qui Sex Sáb Dom
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31