BAHIA, Salvador - Para incentivar os baianos e turistas a manterem viva a tradição da caminhada em direção à Colina Sagrada durante os festejos em louvor ao Senhor do Bonfim, a Basílica Santuário realizará no próximo domingo (16 de janeiro), dia da Festa Senhor do Bonfim, a Caminhada Virtual do Bonfim – Quem tem fé vai a pé, onde estiver

Além de manter a tradição, os participantes são convidados a praticarem um gesto de solidariedade adquirindo uma camisa, no valor de R$ 33,00. Toda a renda arrecadada será destinada ao projeto Bom Samaritano, obra de misericórdia da Basílica Santuário que presta assistência social a mais de 300 pessoas mensalmente.

A participação na Caminhada Virtual é muito fácil! Basta acessar o site www.lessclick.com.br, depois buscar o evento Caminhada Virtual do Bonfim e adquirir o ingresso. São duas modalidades de inscrição: ingresso solidário – contribuição de R$ 33,00, com direito à camisa do projeto Bom Samaritano e o ingresso básico – gratuito, sem direito à camisa. Ao comprar o ingresso solidário, será gerado um comprovante com QRCode, que deverá ser apresentado nos locais de entrega das camisas: Basílica do Senhor do Bonfim (Largo do Bonfim) e no Cine Metha Glauber Rocha (Praça Castro Alves / Centro).

Os devotos que vão participar do evento podem realizar caminhada de qualquer lugar, preferencialmente locais abertos, longe de aglomerações, e seguindo todas as medidas de proteção. Vale caminhar na orla da cidade, na praça, no playground do seu condomínio, na rua e até em esteiras domésticas. Também será possível enviar os pedidos de oração e amarrar as fitinhas virtuais, através da plataforma da Basílica Santuário.

Este é o segundo ano que a tradicional Lavagem das Escadarias da Basílica do Senhor do Bonfim é cancelada devido ao avanço das contaminações pela Covid 19. Para o reitor da Basílica, padre Edson Menezes, a preservação da vida e a não disseminação da Covid são prioridades neste momento. “Queremos continuar erguendo nossas preces ao Senhor do Bonfim para que se compadeça do seu povo nestes tempos tão difíceis que vivemos. Mas, não podemos esquecer que a pandemia não acabou. Precisamos manter o distanciamento social e seguir as orientações das autoridades de saúde”, afirmou. No entanto, os participantes da Caminhada Virtual do Bonfim vão criar uma grande corrente do bem e de preces. “Ao fazermos a nossa caminhada de fé, de onde estivermos, estaremos unidos ao Senhor do Bonfim e aos irmãos que necessitam de nossa ajuda. Vamos unir a fé, a devoção e a prática da caridade”, explica o padre Edson.

A Caminhada Virtual é uma ação apoiada pelas empresas Oquei Entretenimento e Less Click, empresa que integra o Grupo Metha. Para o diretor da Oquei Entretenimento, Ricardo Cal, as celebrações em homenagem ao Senhor do Bonfim são valiosas para os baianos e precisam ser mantidas vivas. “A devoção ao Senhor do Bonfim e a Lavagem das Escadarias é um momento muito especial e tradicional na cultura da Bahia e para o povo baiano. É importantíssimo apoiar uma causa dessa que é manter viva no coração das pessoas, mesmo que seja de forma simbólica a caminhada, e ao mesmo tempo ajudar as obras sociais da Basílica do Senhor do Bonfim, principalmente as ações do projeto Bom Samaritano. É com esse intuito que desejamos apoiar, divulgar e ajudar nas ações da Igreja”, afirmou

Para o presidente do Grupo Metha, José Manuel Parada, a decisão de apoiar a Caminhada Virtual reflete a filosofia de investimento social privado da empresa, focada em cultura, educação e geração de renda. "Somos uma empresa que nasceu na Bahia e que construiu seu legado a partir desta terra. Portanto, nada melhor do que contribuir com este símbolo cultural da cidade que é a Basílica do Nosso Senhor do Bonfim", afirmou.

O projeto Bom Samaritano
O projeto Bom Samaritano é uma obra de misericórdia mantida pela Basílica do Senhor do Bonfim que presta atendimento a pessoas carentes que se encontram em condição de vulnerabilidade social. Desde 2008, o projeto viabiliza encaminhamentos e orientações que promovam a inclusão social daqueles que buscam ajuda. O Bom Samaritano atende a mais de 300 pessoas por mês, que recebem cestas básicas, além de assistência social; manutenção de contato com órgãos governamentais e não governamentais e cursos profissionalizantes.

Além disso, o projeto realiza serviços de saúde como pediatria, cardiologista, clínico e fisioterapia; e cursos de corte e costura, bordado, informática, crochê, bordado com fitas e flores. Todo o recurso arrecadado pelo Bom Samaritano vem dos fiéis, através de doações de alimentos na Basílica Santuário e em dinheiro.

Fonte: SecultBA

Agenda

Seg Ter Qua Qui Sex Sáb Dom
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31