ALAGOAS, Maceió - “Forró Para Todos" recebe visitas até dia 15 de julho

O Museu Palácio Floriano Peixoto (Mupa), equipamento da Secretaria de Estado da Cultura, recebe a exposição Forró Para Todos. Com curadoria e pesquisa de Maria João Abreu e Dimas Marques, o projeto, aberto para visitação até 15 de julho, traz a história dos forrozeiros e do forró no estado.

A pesquisa conta detalhes da vida e profissão de 37 artistas que dedicaram suas carreiras ao ritmo tipicamente nordestino. “O forró alagoano é um dos principais do Brasil, exportamos aqui nomes do maior calibre histórico e cultural que este país já viu”, disse o pesquisador Dimas Marques.

O som do triângulo, sanfona e zabumba que caracteriza o ritmo, também se relaciona com a dança, uma vez que o movimento do corpo está diretamente relacionado à situação em que se originou. O chão de terra batida das pistas de dança no século XIX eram molhados e os pés arrastados para que a poeira não subisse, assim foi formando-se a dança popularmente conhecida como o “arrasta pé”. A exposição aborda essa peculiaridade e ainda ensina como reproduzir tal dança.

“Acho interessante vir visitar, conhecer um pouco do forró de Alagoas e poder ter uma noção do grande número de artistas que Alagoas tem.” convidou a curadora da exposição, Maria João Abreu.

O Mupa fica localizado na Praça dos Martírios, no centro de Maceió, e recebe visitação de segunda a sexta, das 9h às 16h.

Fonte: Ascom Secult AL - Camylla Thomasya

Agenda

Seg Ter Qua Qui Sex Sáb Dom
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31